//
você está lendo...
Notícias

Dez anos de avanços com Claudia Dutra

Claudia Pereira Dutra esteve no Ministério da Educação por 10 anos, onde, inicialmente, atuou na Secretaria de Educação Especial, hoje Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (Secadi). Com ela, o Brasil desenvolveu uma política sólida de educação inclusiva.

“Nunca antes na historia deste país” tem tudo a ver com Claudia Dutra, assim como inclusão tem tudo a ver com mudança. Mudança que aconteceu com a coragem de quem sabe de suas obrigações, de quem não tem medo de ser feliz e de que tem esperança por que faz e, fazendo, sabe que acontece.

E a educação inclusiva tomou conta do país e, mesmo com ainda muito a fazer e a aprofundar, mudamos a cultura, caminhamos, avançamos, lutamos, conquistamos. Isso tudo tendo Claudia Dutra à frente, com o vigor das verdadeiras guerreiras, ativistas e defensoras dos direitos humanos.

Não vamos desta vez mostrar números (que, sim, impressionam). Neste momento, o que vale é destacar as mudanças, as transformações, os avanços, os direitos respeitados e, mais do que isso, assegurados por políticas públicas apropriadas.

Como gestora pública na Seesp e na Secadi/MEC, fez acontecer e é isso o que vale, porque o que temos hoje era um sonho em 2003. Direitos Humanos, Direito à Diversidade, Programa BPC na Escola, Plataforma Freire, Formação Continuada, Ônibus Acessível, Salas de Recursos Multifuncionais, Atendimento Educacional Especializado e muitas outras ações… Conquistas da sociedade, políticas públicas da Seesp e Secadi/MEC.

Sonho que se sonha junto é sim realidade! Claudia Dutra mudou a realidade para milhões de brasileiros e é responsável direta pela mudança de paradigma. Ela acreditou, ousou e fez! Educação Inclusiva tem tudo a ver com Claudia Dutra, que tem tudo a ver com mudanças positivas e garantia de direitos constitucionais.

Dez anos de avanços, de caminhada incansável.
Dez anos de luta em prol do povo brasileiro.
Dez anos de Direitos Respeitados.
Dez anos de Claudia Dutra.

Nós, do Fórum Nacional de Educação Inclusiva, do Portal Inclusão Já! e da Rede Inclusiva Direitos Humanos – BR agradecemos a essa honrada brasileira por sua atuação ao longo de todos esses anos, reconhecendo sua extrema contribuição para a garantia do direito humano à educação em nosso país. Claudia, muito obrigado!

AVANTE!

VAMOS EM FRENTE POR QUE A LUTA CONTINUA!
JUNT@S SOMOS FORTES!

Abaixo, a carta de despedida enviada por Cláudia a todos que, com ela, enfrentaram essa jornada: 

Colegas e amigos,

O compromisso assumido e protagonizado pela SEESP/2003, SECAD/2004 e SECADI/2011, marca a história da educação brasileira ao questionar as formas excludentes de conceber a ação educativa, realizando o debate contemporâneo acerca das diferenças, sem esbarrar no discurso da tolerância, desconstruindo a ideia de igualdade que tem como pressuposto a homogeneidade.

A educação inclusiva se refere à educação de todos, ao deslocamento do olhar para os grupos em situação de vulnerabilidade social, à luta contra a discriminação, a segregação e todas as formas de exclusão, efetivando-se a cada dia com a conquista de espaços democráticos e a afirmação das diferenças, enfrentando a discussão sobre o racismo, a homofobia, a sustentabilidade socioambiental, a acessibilidade, as questões da juventude, dos direitos humanos, de gênero e da diversidade sexual. Nesse campo, situam-se as lutas de diferentes grupos sociais, pela educação intercultural indígena, a educação quilombola, a educação do campo, a educação de jovens e adultos e a educação no sistema prisional.

Como um movimento de transformação das práticas pedagógicas e de gestão, a inclusão aborda a questão da qualidade da educação a partir de referenciais que propõem novas maneiras de pensar o conhecimento, o ensino, a aprendizagem, a avaliação, a formação, os materiais pedagógicos, os ambientes educacionais. A busca da garantia do direito, como ponto de partida de um conjunto de transformações, na perspectiva de um novo paradigma educacional, contrapõe as reformas seletivas do modelo neoliberal que dissocia acesso e qualidade da educação, desconsiderando as especificidades étnico-raciais, de localização, de gênero, de condição de deficiência e outras, decisivas à escolarização.

Ao deixar o cargo Secretária da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão, manifesto minha alegria de ter participado da gestão MEC (2003-2013), quando foram instituídas políticas públicas voltadas à efetivação do direito de todos à educação, concebidas numa cultura democrática, orientadas para a valorização das experiências dos sujeitos sociais, a constituição de estratégias pedagógicas não excludentes, o combate à pobreza e a construção de um sistema educacional inclusivo.

Esse é um processo contínuo e cabe a cada um de nós, nos seus diferentes espaços de atuação, o permanente compromisso com as políticas que transformam a educação brasileira.

Um grande abraço à equipe e aos nossos colaboradores,

Claudia Pereira Dutra

Anúncios

Discussão

3 comentários sobre “Dez anos de avanços com Claudia Dutra

  1. Não tenho palavras. Só posso dizer que Cláudia Dutra marcou para sempre a educação brasileira. Ousou, lutou… e com ela ousamos e lutamos pelo direito de todas as pessoas à educação. Sem sombra de dúvida, ela não teve medo de ser feliz e provou que educação não é concessão, é direito inalienåvel de todo ser humano. Firme, doce, companheira… Não se curvou aos interesses de alguns. Tudo que fez, sonhou e conquistou foi para tod@s!
    Um grande abraço companheira querida!
    Margareth Campos Moreira
    Coordenadora do Polo Educação Inclusiva:direito a diversidade Juiz de ForaMG

    Publicado por Margareth Campos Moreira | 05/03/2013, 19:39
  2. Obrigada Claudia !!!!
    Arimar Martins Campos.

    Publicado por Arimar | 05/03/2013, 23:14
  3. Sem dúvida, Cláudia Pereira Dutra foi uma incansável defensora, guerreira, ativista dos direitos humanos, principalmente dos direitos das pessoas com deficiências. Ela ousou, lutou com coragem, “audácia”, determinação e firmeza para consolidar uma verdadeira política para a modalidade da Educação Especial.

    Nestes dez anos a frente da SEESP e SECADI, houve muitos e consideráveis avanços e conquistas para as pessoas com deficiências. Nunca houve uma gestão em épocas anteriores que lutasse tanto pelo direitos humanos! (as gerências anteriores camuflavam as políticas públicas e faziam o “jogo” de interesse daqueles que não queriam a “inclusão” de fato).

    É uma perda enorme para a educação brasileira! Mas, a gratidão, o respeito e consideração das pessoas que realmente lutam pela verdadeira inclusão das pessoas com deficiências em todos os segmentos sociais, agradecem de coração pela sua luta, garra e determinação.

    Cláudia! Você fez muito! Cumpriu com sua missão! Parabéns por todas as políticas públicas que garantiram os direitos das pessoas com deficiências. Parabéns pela nova política da Educação Especial, que organizou de fato uma política numa perspectiva inclusiva.

    Sucesso na sua nova jornada! Mas, é claro que para uma pessoa que tem garra, coragem, ousadia, competência, conhecimento, empreendedorismo, que saiba administrar e gerir num princípio democrático, transparente, ético e justo só vai ter SUCESSO (e reconhecimento)!.

    Parabéns! Obrigada por todos os avanços.

    DIONES – SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE BARRA DE SÃO FRANCISCO –ES – SETOR DA EDUCAÇÃO ESPECIAL

    Publicado por Diones Barcelos Bragança | 14/03/2013, 1:36

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Arquivos

Inclusão é todo dia!

março 2013
S T Q Q S S D
« jan   maio »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
%d blogueiros gostam disto: